Energia Solar

     
     


 

 

Fonte de energia renovável, inesgotável e incontestavelmente limpa, a energia solar é uma das alternativas energéticas mais promissoras para o século 21. E quando se fala em energia, deve-se lembrar que quase todas as outras fontes de energia – hidráulica, biomassa, eólica, combustíveis fósseis e energia dos oceanos - são formas indiretas da energia solar. A energia geotérmica e nuclear são exceções.

A quantidade de energia solar que atinge a Terra em uma hora é equivalente ao consumo mundial durante um ano. Além de abundante e responsável pela manutenção da vida na Terra, existe um enorme potencial de utilização através de sistemas de captação e conversão em outras formas de energia (térmica, elétrica, etc).

Energia Solar Térmica

Já esta forma de aproveitamento utiliza a energia solar para aquecer um fluido e não para gerar eletricidade. Geralmente empregada para o aquecimento de água de casas ou edifícios, hospitais, piscinas, secagem de grãos e processos industriais de aquecimento.

Esta técnica utiliza coletores solar que captam a energia solar e transferem para um fluido sob a forma de energia térmica. Além dos coletores solares, para um sistema de aquecimento completo, são necessários um reservatório térmico, um sistema de circulação de água e um sistema auxiliar de aquecimento.

Em períodos encobertos prolongados, caso a temperatura da água do reservatório térmico caia muito, o sistema de aquecimento auxiliar será acionado por um termostato, de forma a fornecer energia suficiente à água armazenada.

 

Energia Solar Fotovoltaica

Uma das possíveis formas de aproveitamento da energia solar é conseguida através da geração fotovoltaica de energia elétrica. Neste processo os fótons contidos na luz solar são convertidos em energia elétrica, por meio do uso de células solares.

Em outras palavras, a célula solar trabalha segundo o princípio de que os fótons incidentes, colidindo com os átomos de certos materiais, provocam um deslocamento dos elétrons, carregados negativamente, gerando uma corrente elétrica. Este processo de conversão não depende do calor, pelo contrário, o rendimento da célula solar cai quando sua temperatura aumenta.

A conversão da energia solar em energia elétrica, com o uso de painéis fotovoltaicos já é comercialmente viável para pequenas instalações. Seu uso é particularmente vantajoso em regiões remotas ou em zonas de difícil acesso. Os sistemas de comunicação, e, de modo geral, todos os equipamentos eletrônicos com baixo consumo de potência, podem ser facilmente alimentados por painéis fotovoltaicos.

 
         
  Voltar